Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘criatividade’

por Lígia Zampar

Quando um aluno não sabe a resposta de uma questão de qualquer prova, o que ele faz? Inventa!

E isso, sinceramente, deveria valer nota! A criatividade é uma coisa rara, única e com certeza fica longe da resposta esperada…

do Não Salvo

do Não Salvo

do Não Salvo

Read Full Post »

por Lígia Zampar

Propagandas é sempre uma maneira de vermos até onde vai a criatividade de uma pessoa. E parece que vemos que isso nunca tem limite. Algumas propagandas merecem ser vistas ou revistas, e escolhemos algumas pra você dar uma olhadinha e rir um pouco nesta quinta-feira.

Por que sempre pensamos o pior?

Um jeitinho simples de acabar com sua sogra, seu namorado, chefe, ou quem você preferir!

Tecnologia é SEMPRE bom, não?

Balé para homens. oO

Briga de marido e mulher não se mete a colher. Melhor comercial de carro!

Não adianta, mãe é sempre mãe.

Se você acredita que as crianças de hoje em dia são tão inteligentes que podem ter vindo de outro planeta, com um outro cérebro, essa propaganda confirma seu pensamento. (Está em espanhol, mas dá pra entender)

Veja aqui o melhor comercial de refrigerantes!

Read Full Post »

por Gustavo Assumpção

Quando o Vítor me convidou para escrever aqui no Londripost, a recomendação dele foi que apenas eu “indicasse um game”. Como acompanho as novidades da indústria já há um bom tempo, pensei em muitos títulos para recomendar por aqui, tipo as grandes séries como Mario, Metroid, Zelda, Kirby, Final Fantasy, Pokémon. Lembrei de todos aqueles clássicos que a maioria dos jogadores com seus vinte e poucos anos já jogaram pelo menos alguma vez na vida. Mas aí eu acabei lembrando de um game muito recente, inovador e que vem despertando em quem joga a mesma sensação que esses grandes títulos despertam há décadas.

Lançado no mês passado para o Nintendo DS (o portátil de duas delas da Nintendo), Scribblenauts é resultado de uma ousada fórmula criada pelo game designer Jeremiah Slaczka, um dos grandes nomes da nova geração de desenvolvimento de jogos. Seguindo uma fórmula inédita, o game permite que tudo o que o jogador imagine possa ganhar vida na tela. Achou difícil imaginar? É mais simples do que você pensa!

O game foi criado em cima de uma nova engine que vem sendo chamada de “Objectnaut“. Por meio dela, cada objeto é relacionado no processo de programação como um conjunto de propriedades – incluindo características físicas e possíveis interações com o jogador. Dessa forma, foi possível a criação de centenas de dezenas de objetos interativos usando apenas esquemas de proporção matemática.

Mas você deve estar se perguntando: o que Scribblenauts tem de tão importante e diferente? Eu poderia responder de muitas maneiras. Mas acho que o principal diferencial dele se faz em seu esquema de jogo que privilegia não a habilidade do jogador, mas sim sua criatividade.

Apesar de ser tipicamente um side-scroller, o game tem toques de puzzles e até mesmo de estratégia. O jogador controla o herói Maxwell, o tal Scribblenaut do título, que tem como meta coletar itens chamados de Starites. Eles estão posicionados em locais aparentemente inacessíveis.. A mecânica de jogabilidade se enraíza em cima da possibilidade do herói convocar durante a jornada uma quantidade imensa de itens para que seja possível coletar os Starites. E você deve estar se perguntando como você convoca esses itens. Pois bem: basta você escrever o nome dele na tela sensível. E o melhor: o game reconhece palavras em português.

Ao escrever o nome, o item automaticamente aparece na tela para que você possa interagir. Se escrever Avião, obviamente um avião aparece na tela e o jogador pode subir nele e voar pela tela. O jogador pode na seqüencia escrever “bomba”, jogar ela no avião e mandar tudo para os ares. Ou então escrever “tufão” e derrubar a aeronave com a força do vento. As possibilidades são muitas e o game te provoca aquela sensação de estar exigindo que o seu cérebro funcione a todo momento. 

Scribblenauts é um dos games mais bem recebidos pela crítica nesse ano. É carismático, inovador, diferente de tudo o que você já testou. Abaixo, um vídeo pra você poder perceber o quão interessante ele é. 

Link do vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=nhJYGXfMDSo

Gustavo Assumpção é gamemaníaco, graduando do Terceiro ano de Jornalismo na UEL e administrador, editor e newsposter do site Nintendo Blast.

Read Full Post »