Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘Educação’

Por Marcia Boroski

O cursinho pré-vestibular da UEL está com as inscrições abertas até o dia 18 de novembro. Mais informações no podcast abaixo.

http://www.4shared.com/audio/OqQmOCw9/BOLETIM_LONDRIPOST-cursinho.html

Read Full Post »

Resultado do Exame Nacional do Ensino Médio 2010 foi divulgado na segunda-feira (12); 2/3 das escolas públicas da cidade tiveram nota abaixo da média nacional

Por Daniela Brisola

O Ministério da Educação divulgou o resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) 2010 nesta segunda-feira (12). Segundo o resultado, apenas um terço das escolas públicas de Londrina tiveram a nota acima da média nacional. Será que essa nota demonstra falhas no ensino londrinense?

Segundo a professora do departamento de Educação da UEL, Maria das Graças Ferreira, essa avaliação é apenas uma forma dos organismos que financiam a educação brasileira imporem e padronizarem o que deve ser ensinado nas escolas.

“É uma forma, também, de as escolas competirem entre si em busca de números. As escolas públicas não têm como foco que seus alunos passem no vestibular. Ela busca um outro tipo de aprendizado que envolve conhecimentos que não são exigidos no vestibular”, afirmou a professora.

Maria das Graças ainda apontou a grande diferença que há entre as escolas públicas e particulares. “As escolas privadas são empresas que visam ao lucro. Existe uma mentalidade que descredita o ensino público, mas a única diferença é que a escola pública não tem os mesmos objetivos que as particulares”, completou.

A escola londrinense que obteve o melhor resultado no ENEM foi o Colégio Universitário, conquistando a sétima colocação do Paraná, com a nota de 669 pontos. Em entrevista à rádio CBN, o diretor geral pedagógico do Colégio Universitário, José Antônio Lima, explicou que o resultado é consequência de um trabalho interdisciplinar e foco na atualidade. “Hoje é fato, o ENEM é a avaliação externa mais importante que nós temos no país para alunos da terceira série do Ensino Médio”, pontuou.

Já a escola pública mais bem colocada da cidade foi o Colégio Marcelino Champagnat, com a nota 584 pontos. O Colégio ficou com a 12ª colocação em relação às escolas públicas paranaenses.

Para o diretor do Colégio, Claudecir de Almeida da Silva, também em entrevista à rádio CBN, a escola desenvolve com os alunos um trabalho pedagógico em relação ao conteúdo do ENEM. “Nós temos observado as provas do ENEM nos últimos anos e nós verificamos que as questões de interpretação de texto e de argumentações dos textos envolvidos nas perguntas e temos trabalhado neste sentido.”

Read Full Post »

por Lígia Zampar

Hoje o Recomendamos não será de gastronomia.

Pasmem!

Sim, acho que pela primeira vez nessa coluna não vou falar de comida, embora tenha vários restaurantes e pratos pra recomendar.

Em plena terça-feira, aquela semana cheia de trabalhos pra entregar, pressão, parece que o tempo não passa, você precisa de um momento de descontração. Respira. Respira muito, porque quando você começar a ler essas frases você vai perder o fôlego de tanto rir.

É o twitter do Pérolas do ENEM. É m-a-r-a!

Se você pensar que estudantes brasileiros têm  esse nível “todo” de conhecimento, não terá tanta graça assim. Mas pelo lado positivo: capacidade de criatividade!

Leiam, sigam, e divirtam-se!

@PerolasDoENEM

PS: Só pra não parecer que este post não é meu, também recomendo o Festival do Morango da Doceria Amor aos Pedaços. também chamado de Festival de Tentações.

A loja mais perto é no Shopping Catuaí, e o quilo dos doces sai por aproximadamente R$ 80. Um pouco caro, mas vale a pena!

Read Full Post »

por Leonardo Caruso

Hoje eu vou ler o meu discurso. Hoje eu vou ler porque estou sendo multado todo dia, e daqui a pouco eu vou ter que trabalhar o resto da vida para pagar multa. Eu vou me conter aqui, depois vou dar um improvisozinho rápido para falar para vocês

Presidente Lula em Conferência Nacional de Educação, ironizando as multas que recebeu por propaganda eleitoral antecipada.

Read Full Post »

por Lígia Zampar

E você que achava que a educação no Brasil estava prosperando…Que a inclusão digital era mais uma forma das pessoas aprenderem… (CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR)

Tirado do Não Salvo!

Mais?Aqui!

Read Full Post »

por Leonardo Caruso

O recomendamos de hoje tem Poder. E poder por Joyce Pascowitch, jornalista e empresária responsável pela Glamurama Editora, que criou uma revista para adentrar na vida dos poderosos, sejam eles da política, das artes, dos esportes ou do ramo que for. Completando dois anos agora em fevereiro, a revista tem por intuito mostrar quem são as pessoas tidas como importantes, o estilo de vida delas e o que pensam. De acordo com a diretora-geral, o que importa no novo veículo é o poder em todas as suas manifestações. Sarney e Caco Barcellos são figuras que já passaram pelo meio. Quem cobre a capa de fevereiro é o jogador do flamengo, Adriano.

A primeira vista pode parecer apenas uma revista de fofocas, mas ao virarmos as páginas, percebemos que Poder tem seu valor, não só por variar as figuras que aparecem em suas matérias, mas também ao conteúdo abrangente de cada entrevista. Claro que voltado para cada indivíduo lá entrevistado, mas um pouco mais completo que simples “conversa de cumadres”.

Porém, o item mais interessante e que mais me aproximou da revista é o fato de ela ser disponibilizada online. Ao acessarmos o site, podemos escolher a edição que desejamos ler, a forma como o conteúdo deve ser apresentado na tela e a forma de controlar a mudança das páginas. Podemos dar zoom e manusear as “folhas” como se fossem de uma revista impressa. A parte gráfica também me chamou atenção.

Aqueles interessados em conhecer a versão online da Poder podem acessar o site http://revistapoder.uol.com.br/. Já os interessados na versão impressa e formas de assinatura, podem entrar em contato pelo telefone (11)3061-9548ou pelo email assinaturas@glamurama.com.br

Read Full Post »

Quero deixar aqui minha total indignação com o que está acontecendo no site do Sisu. É uma vergonha termos que passar quase 10 horas na frente do computador tentando conseguir fazer uma inscrição! Falta de preparo e falta de respeito com os estudantes, que já sofreram demais por conta dos último acontecimento envolvendo o Enem.

Anne Caroline Lunardi de Souza, estudante indignada com a dificuldade de acessar o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) no site do Ministério da Educação

Read Full Post »

por Leonardo Caruso

Como anunciado anteriormente neste blog, o Jornal do CECA (JC) contribui para a divulgação das atividades promovidas pelo Centro de Educação, Comunicação e Artes (CECA), da Universidade Estadual de Londrina (UEL). O jornal, que está atualmente em seu quarto ano, apresenta semanalmente um conjunto de pelo menos 4 matérias, referentes a atividades desenvolvidas no próprio Centro, em unidades externas, mas ligadas à UEL (como o museu, a Casa de Cultura e o Com-tour) e em eventos que, de alguma forma, remetem a educação, comunicação e artes (como festivais de literatura e teatro).

Criada este ano, a seção “JC Recomenda” apresenta sugestões de leitura ou de filmes em exibição no Com-tour. Na “opinião”, os estudantes do CECA tem a oportunidade de deixar suas opiniões no Jornal.

O Jornal do CECA tem como principal meta a interação de um departamento com o outro (dentro do Centro) e a divulgação cultural das atividades dos cursos que compõem esses departamentos e dos eventos culturais em Londrina. Por simular um jornal, os alunos envolvidos tem a oportunidade de desenvolverem suas técnicas jornalísticas.

Um de seus editores, o estudante de jornalismo da UEL, Guilherme Santana, conta que passaram por algumas dificuldades durante a passagem do primeiro para o segundo semestre de 2009. “A professora que coordenava o curso teve que se aposentar e tivemos dificuldades para arrumar um coordenador”, explicou Santana. Apesar dessa dificuldade, o Jornal está de volta a seu ritmo normal e prepara-se para uma atualização em toda sua estrutura. De acordo com Santana, essas novas mudanças devem ir ao ar no início de 2010.

Enquanto isso você pode conferir o que rola no CECA e culturalmente em Londrina no site http://www2.uel.br/ceca/jornal/index.html. O JC também possui um twitter (http://twitter.com/JornaldoCECA) que é atualizado toda vez que uma nova edição é colocada no ar.

Read Full Post »

por Vitor Oshiro

Hoje (30), um carro desgovernado invadiu a Escola Estadual Vicente Rijo, localizada na rotatória da Avenida Juscelino Kubistchek com a Higienópolis. Segundo as testemunhas, o motorista estava embriagado e em alta velocidade. Por sorte, não houve feridos!

tn_627_600_carro_invade_escola03

Crédito: Reprodução chupinhada do JL

Parece que as campanhas foram entendidas erradas. Quando falaram em “Educação no Trânsito”, o pessoal entendeu “Trânsito na Educação”!

Read Full Post »

Nova campanha da Prefeitura de Londrina conscientiza sobre a importância das faixas de pedestres. fonte: http://2.bp.blogspot.com/

Nova campanha da Prefeitura de Londrina conscientiza sobre a importância das faixas de pedestres. fonte: http://2.bp.blogspot.com/


por Lígia Zampar

A Prefeitura de Londrina começou no dia 10 de setembro de 2009 uma campanha para educar os motoristas a respeitarem as faixas de pedestres. “Pé Na Faixa – Atitude é o primeiro passo” será lançada oficialmente na próxima sexta-feira, dia 18 de setembro, e terá duração permanente, e não só na Semana Nacional do Trânsito como outras campanhas.
“Nossa proposta é instituir em Londrina um trânsito humanizado, a exemplo do que já ocorre em Brasília, Maringá e outras cidades que fizeram esta opção. A idéia é educar os motoristas a acostumá-los a respeitar o pedestre”, foram as palavras do prefeito londrinense Barbosa Neto (o verdadeiro, e não o dono do twitter!).
O Estado do Paraná está em terceiro lugar no rank nacional dos estados brasileiros que mais tem mortes por acidentes no trânsito, sejam nas estradas ou vias urbanas. A maioria das mortes poderia ser evitada caso houvesse prudência de alguma (ou das duas) das partes envolvidas.
A falta da educação dos condutores na cidade pode ser percebida quando tentamos atravessar a rua em qualquer parte da cidade, mas principalmente na região central. Pode-se estar na faixa, ser cadeirante ou idosos, os carros não param! (Falamos que os carros não param para não falar que os motoristas são tão estúpidos que não devem saber a localização do freio.)
Ainda não começamos a falar que nessa, e em outras cidades do nosso Brasil afora, a seta (aquela luzinha que pisca indicando a direção que o carro vai virar) é um acessório de luxo.
Mais do que uma campanha de conscientização no trânsito, é necessário que as aulas teóricas e práticas para os novos motoristas sejam dadas de uma maneira correta, abordando esses problemas enfrentados pela cidade e aproveitando melhor o aumento das aulas/horas no curso de formação de condutores.
Depois de duas senhoras morrerem atropeladas só essa semana, até que a campanha parece que tem um sentido, não é mesmo? Pena que seja tarde para algumas pessoas.

Alguns dados não muito felizes: De 1° de janeiro até o dia 28 de agosto, foram registrados em Londrina, segundo levantamento da CMTU, 3.712 acidentes de trânsito, com 1.815 feridos e 38 mortes.

Read Full Post »

Older Posts »