Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘Educação’

por Leonardo Caruso

Como anunciado anteriormente neste blog, o Jornal do CECA (JC) contribui para a divulgação das atividades promovidas pelo Centro de Educação, Comunicação e Artes (CECA), da Universidade Estadual de Londrina (UEL). O jornal, que está atualmente em seu quarto ano, apresenta semanalmente um conjunto de pelo menos 4 matérias, referentes a atividades desenvolvidas no próprio Centro, em unidades externas, mas ligadas à UEL (como o museu, a Casa de Cultura e o Com-tour) e em eventos que, de alguma forma, remetem a educação, comunicação e artes (como festivais de literatura e teatro).

Criada este ano, a seção “JC Recomenda” apresenta sugestões de leitura ou de filmes em exibição no Com-tour. Na “opinião”, os estudantes do CECA tem a oportunidade de deixar suas opiniões no Jornal.

O Jornal do CECA tem como principal meta a interação de um departamento com o outro (dentro do Centro) e a divulgação cultural das atividades dos cursos que compõem esses departamentos e dos eventos culturais em Londrina. Por simular um jornal, os alunos envolvidos tem a oportunidade de desenvolverem suas técnicas jornalísticas.

Um de seus editores, o estudante de jornalismo da UEL, Guilherme Santana, conta que passaram por algumas dificuldades durante a passagem do primeiro para o segundo semestre de 2009. “A professora que coordenava o curso teve que se aposentar e tivemos dificuldades para arrumar um coordenador”, explicou Santana. Apesar dessa dificuldade, o Jornal está de volta a seu ritmo normal e prepara-se para uma atualização em toda sua estrutura. De acordo com Santana, essas novas mudanças devem ir ao ar no início de 2010.

Enquanto isso você pode conferir o que rola no CECA e culturalmente em Londrina no site http://www2.uel.br/ceca/jornal/index.html. O JC também possui um twitter (http://twitter.com/JornaldoCECA) que é atualizado toda vez que uma nova edição é colocada no ar.

Read Full Post »

por Vitor Oshiro

Hoje (30), um carro desgovernado invadiu a Escola Estadual Vicente Rijo, localizada na rotatória da Avenida Juscelino Kubistchek com a Higienópolis. Segundo as testemunhas, o motorista estava embriagado e em alta velocidade. Por sorte, não houve feridos!

tn_627_600_carro_invade_escola03

Crédito: Reprodução chupinhada do JL

Parece que as campanhas foram entendidas erradas. Quando falaram em “Educação no Trânsito”, o pessoal entendeu “Trânsito na Educação”!

Read Full Post »

Nova campanha da Prefeitura de Londrina conscientiza sobre a importância das faixas de pedestres. fonte: http://2.bp.blogspot.com/

Nova campanha da Prefeitura de Londrina conscientiza sobre a importância das faixas de pedestres. fonte: http://2.bp.blogspot.com/


por Lígia Zampar

A Prefeitura de Londrina começou no dia 10 de setembro de 2009 uma campanha para educar os motoristas a respeitarem as faixas de pedestres. “Pé Na Faixa – Atitude é o primeiro passo” será lançada oficialmente na próxima sexta-feira, dia 18 de setembro, e terá duração permanente, e não só na Semana Nacional do Trânsito como outras campanhas.
“Nossa proposta é instituir em Londrina um trânsito humanizado, a exemplo do que já ocorre em Brasília, Maringá e outras cidades que fizeram esta opção. A idéia é educar os motoristas a acostumá-los a respeitar o pedestre”, foram as palavras do prefeito londrinense Barbosa Neto (o verdadeiro, e não o dono do twitter!).
O Estado do Paraná está em terceiro lugar no rank nacional dos estados brasileiros que mais tem mortes por acidentes no trânsito, sejam nas estradas ou vias urbanas. A maioria das mortes poderia ser evitada caso houvesse prudência de alguma (ou das duas) das partes envolvidas.
A falta da educação dos condutores na cidade pode ser percebida quando tentamos atravessar a rua em qualquer parte da cidade, mas principalmente na região central. Pode-se estar na faixa, ser cadeirante ou idosos, os carros não param! (Falamos que os carros não param para não falar que os motoristas são tão estúpidos que não devem saber a localização do freio.)
Ainda não começamos a falar que nessa, e em outras cidades do nosso Brasil afora, a seta (aquela luzinha que pisca indicando a direção que o carro vai virar) é um acessório de luxo.
Mais do que uma campanha de conscientização no trânsito, é necessário que as aulas teóricas e práticas para os novos motoristas sejam dadas de uma maneira correta, abordando esses problemas enfrentados pela cidade e aproveitando melhor o aumento das aulas/horas no curso de formação de condutores.
Depois de duas senhoras morrerem atropeladas só essa semana, até que a campanha parece que tem um sentido, não é mesmo? Pena que seja tarde para algumas pessoas.

Alguns dados não muito felizes: De 1° de janeiro até o dia 28 de agosto, foram registrados em Londrina, segundo levantamento da CMTU, 3.712 acidentes de trânsito, com 1.815 feridos e 38 mortes.

Read Full Post »

Por Clareana Rodrigues (UFPA – PA)
José Ricardo Lima (Facris – PR)
Larissa Normande (UFAL – AL)
Roberta Corrêa (CESMAC – AL)
Teresa Machado (UFAL-AL)

Durante nove dias, de 27/08 a 04/09, Curitiba (PR) foi palco da Bienal
do Livro, evento literário que ocorreu pela primeira vez na cidade.
Além de divulgar editoras e novos autores, o evento proporcionou um
encontro cultural de incentivo à educação, leitura e sustentabilidade,
para cerca de 400 mil visitantes, informa a organização do evento.

O encontro foi uma oportunidade para 65 expositores divulgarem e
firmarem suas marcas no mercado. Para a representante da editora
Escala, Cláudia Regina Bocato, os livros são formadores de um público
mais crítico e com maior interesse cultural. “Mesmo em plena era
digital, nada consegue substituir o prazer de ler um livro em suas
mãos”, declarou Bocato.

Segundo Leandro Geronutti, responsável pela editora FTD Sistema de
Ensino, mesmo com o crescimento da internet, o surgimento dos e-books
(livros baixados pela internet), não levará ao fim dos livros. “O
e-book é uma oportunidade a mais para os amantes da leitura. Acredito
que isso não é motivo para achar que é o fim do livro impresso. Há
espaço para ambos”, afirmou Geronutti.

Durante o evento, foram realizadas várias palestras, oficinas e
exposições de livros, que puderam aproximar o público de 32 autores de
renome da literatura nacional. Entre eles, Carlos Heitor Cony, Marília
Pêra, Rubem Alves e Domingos Pellegrini.

Twitter: Bienal de Curitiba divulga editoras e novos autores, firmando a aposta em livros, mesmo com crescimento da internet e acesso aos e-books.

Read Full Post »

« Newer Posts