Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘londrinenses’

Por Fernanda Cavassana

Em outros posts de terça já divulgamos blogs e outros trabalhos “da casa”. Mas essa foi uma das funções projetadas para o Londripost. É de quintal, mas vale a pena conferir.
Ponto Final é uma revista online produzida pelo terceiro ano de jornalismo noturno da UEL.
Desenvolvida na disciplina de Técnicas de Reportagem, Entrevista e Pesquisa Jornalística III, a revista foi a opção escolhida pelos estudantes que também poderiam produzir um jornal impresso. Eles trabalham em grupos, e estes são definidos previamente durante as aulas, e trocados a quatro edições. O trabalho, orientado pela professora Rosane Borges, terá o total de 16 edições, sendo produzido até quase o final do ano.

Pelo site Issuu (http://www.issuu.com) eles disponibilizam as edições já publicadas. No momento, você pode conferir as três primeiras edições da revista. O site é recomendado para o compartilhamento de arquivos em PDF. Nele, é possível observar detalhes das imagens e diagramação, bem como ler tranquilamente os textos, graças ao zoom.

Daqui a pouco, sairá a quarta edição da Ponto Final. Nesta, a capa será com os londrinenses que irão até a África cobrir a Copa do Mundo. Não deixe de ler e acompanhar também as futuras edições: http://www.issuu.com/jornalnoturno

Read Full Post »

por Vitor Oshiro

É, parece que se assustar com tubarão é um privilégio da geração dos anos 70 que assistiu aos antigos filmes “Spielberguianos”, nos quais o animal matava sem piedade ao som da músiquinha “tã-nã-nã-nã-nãããã”. Hoje, nosso tubarão não matou. Ao contrário, morreu na praia.

Refiro-me ao Londrina Esporte Clube (LEC) – representado na “fauna futebolística” pelo Tubarão-, que precisava ganhar do Chapecoense (SC) por uma vitória simples para tentar se classificar à série C do Campeonato Brasileiro. Não ganhou. Somente empatou por 1 a 1. Conclusão: está fora.

Mais uma vez, o Tubarão jogou um balde de água fria nos torcedores. A saga do time cheio de dívidas trabalhistas que chegou a rifar uma TV de plasma com o objetivo de conseguir fundos para viajar parecia caminhar a um final feliz com gols feitos na base da raça nos fins de partida… mas não. Novamente, o LEC deixou tristes aqueles que o apóiam.

Sem jogos agendados até 2010, parece não restar mais nada ao LEC. Mas, resta alguma coisa sim. A presença de um oficial de justiça no estádio para levar parte da arrecadação das bilheterias – cerca de R$ 26 mil – para quitar dívidas mostra que resta repensar tudo.

E isto não deve ser feito pensando em títulos e conquistas grandiosas – que, hoje, parecem ser mais fictícias que os filmes do Spielberg-, mas, em respeito aos torcedores que estavam, estão e sempre estarão acompanhando e apoiando o time!

Veja como foi o jogo Lance a lance!

Read Full Post »