Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘polêmica’

Estão apostando na teoria do fato consumado. Querem concluir o Enem, porque acham que depois não dá para tirar o aluno da faculdade, mas se a Justiça entender que o exame não valeu, os alunos podem perder a vaga”

(Procurador Oscar Costa Filho,  Ministério Público Federal do Ceará, hoje)

O procurador afirmou que entrará com recurso contra decisão do Tribunal Regional Federal da 5ª Região, que liberou o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). (do G1)

Leia a matéria sobre o recurso do MPF
Leia sobre a Liberação do Enem 2010
Mais notícias do G1 sobre Vestibular e Educação

Read Full Post »

por Vitor Oshiro

O tempo passa, o tempo voa e a polêmica do diploma continua “numa” boa.

O episódio da vez aconteceu em Curitiba. Gustavo Carvalho de Aquino foi aprovado em primeiro lugar em um concurso para jornalista na Universidade Federal do Paraná e queria assumir o cargo sem o diploma específico na área.  O edital do concurso determinava a obrigatoriedade do diploma de jornalismo para exercer a função.

Sendo assim, Aquino entrou com uma liminar que foi negada pela 4ª Vara Federal de Curitiba pois, segundo a justiça, “é opção da UFPR incluir em seus quadros jornalistas com ou sem curso superior”.

Aquino deu início ontem (10) a um agravo de instrumento contra a decisão.

Fonte – Portal Comunique-se

Read Full Post »

Por Fernanda Cavassana

O Londripost entrou em contato com a Unimed Londrina para obter informações sobre o caso de Ana Maria Menezesque divulgou um vídeo no Youtube relatando a interrupção do seu tratamento.

Para privacidade da própria paciente, a assessoria de imprensa da Unimed Londrina preferiu não divulgar detalhes do diagnóstico. Mas afirmou que a paciente tem uma resposta formal da empresa que justifica a decisão de cancelar o pagamento da continuação do tratamento dela.

Segundo a comunicação da Unimed, a quimioterapia estava sim em continuidade e sua interrupção foi decidida seguindo um conjunto de regras, um plano baseado nas normas da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) que a empresa tem que seguir.

De acordo com empresa, no meio do tratamento de Ana Menezes, foi solicitado, por sua oncologista, um medicamento cuja bula teria a informação de que ele não é indicado para o caso da paciente. Sendo assim, continuar cobrindo a quimioterapia com esse remédio significa, para a Unimed, assumir a responsabilidade do tratamento fora das normas da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitára) e da ANS.

A empresa ainda afirmou que a decisão foi tomada após um parecer técnico de oncologia.

Ao Londripost, a Unimed Londrina ainda disse que, pelo quadro que apresenta, entende que é um momento difícil, e de superação para a paciente. E que toda a pessoa tem o direito de tentar qualquer tratamento e medicamento, mas que a empresa não pode se responsabilizar por essa decisão. Portanto, o que foi determinado não tem relação ao valor do tratamento, mas sim ao plano de regras que a empresa segue.

Read Full Post »

por Vitor Oshiro

Já que quinta é dia de humor no blog, veja que a Uniban tem até apoio internacional…

 unibanwwww

Montagem indicada no Baixo Clero e chupada do Vi O Mundo

Read Full Post »

por Vitor Oshiro

Segundo reportagem da Folha de Londrina, o câncer de mama em homens é um problema até mais sério do que em mulheres. De acordo com o vice-presidente da Sociedade Brasileira de Cancerologia, Ricardo Antunes, apesar do aparecimento da doença ser menor nos homens, a mortalidade é signitivamente maior.

O fato se deve ao desconhecimento e ao preconceito.

00-requiao

Apesar deste tamanho de mama, confio mais nas palavras de um especialista. Crédito da imagem: http://www.bemparana.com.br

Preconceito! Ouviu, senhor Requião?

Read Full Post »